Sobre a decisão judicial que ANULOU a cassação do mandato do Prefeito Alcides Bernal.

Com razão, o Juiz e o TJMS.

Com razão, os autores do pedido formulado na Ação Popular julgada procedente pelo magistrado, e Vereadores Luiza Ribeiro, Paulo Pedra, Cazuza, José Chadid e Airton Araújo.

Com razão, o MPE seja pelo Promotor que se pronunciou nessa ação popular, seja pelos Promotores do GAECO.

Com razão, os policiais da Polícia Federal e Polícia Civil.

Com razão, os Desembargadores que permitiram a produção de provas, inclusive escutas telefônicas e acesso às mensagens de WhatsApp e outras provas, inclusive quanto ao patrimônio dos envolvidos.

Com razão, os vereadores que votaram CONTRA a injusta, ilegal cassação.

Com razão, o cidadão que ficou INDIGNADO.

Com razão, àqueles que resistiram e denunciaram a cassação que passou a ser chamada de GOLPE e a investigação designada como Coffee Break.

Com razão, o Alcides Bernal que fez tudo o que pôde, na política e na justiça para defender o mandato obtido pela confiança do eleitor.

Com razão, àquele que diz ter se envergonhado do Poder Legislativo de Campo Grande por esse ato e muitos outros que estavam revestidos só da ganância por acesso fácil ao dinheiro público.

Às penas da lei para os que se associaram para cometer os crimes.

Um horror geral.

Um constrangimento à democracia, legalidade e decência.

Uma tristeza.

Luiza Ribeiro.